O que são altcoins, a alternativa para o bitcoin?

As altcoins levantam muitas perguntas para aqueles que só conhecem as moedas digitais por causa do Bitcoin. Entretanto, conhecer um pouco mais sobre esse outro lado das criptomoedas pode te render novos ganhos.


O que são altcoins e como elas são criadas?

Quais as diferenças para a bitcoin?

Vale a pena investir em altcoin?


O que são altcoins e como elas são criadas?

Em 2017, as altcoins ganharam uma grande notoriedade no mercado de moedas digitais. Afinal, são moedas alternativas, ou seja, surgem com mais facilidade a medida que seus investidores e desenvolvedores descobrem novas tecnologias.


A base do altcoin hoje ainda é a base do bitcoin. Ou seja, a tecnologia empregada aqui é retirada em sua maior parte do que se usa para as moedas digitais mais famosas do mercado.


Talvez você se pergunte então qual o objetivo dessas moedas, já que sua tecnologia se assemelha ao padrão. E a resposta é bem simples: trabalhar em cima daquilo que o bitcoin apresenta de fragilidade.


Ao trabalhar nessas fragilidades, o mercado se fortalece e consegue melhorar ainda mais suas tecnologias e seu ritmo de segurança. Afinal, nada melhor para testar suas barreiras de segurança do que trabalhar em cima das suas falhas.


Afinal, como as altcoins surgem?


O código do bitcoin hoje é público e amplamente divulgado. Ou seja, qualquer pessoa do mundo pode ter acesso e começar a desenvolver algo a partir dele.


E é esse o ponto de criação de uma altcoin. Afinal, seu nome deriva de alternative coin, ou seja, moeda alternativa. Sendo o mais literal possível, qualquer moeda criada a partir do código de uma bitcoin, é considerada altcoin.


Talvez o conceito não apresente os melhores termos para uma explicação, mas o raciocínio é mais simples do que parece. Ao pegar o código de uma bitcoin e construir a partir dele uma outra moeda, você produz uma altcoin.


Vale ressaltar que apenas a criação não resulta em muita coisa. Afinal, o sucesso de uma criptomoeda vai muito além de colocá-la na rede para uso.


Quais as diferenças para a bitcoin?


Ao saber que todas as moedas alternativas derivam de uma bitcoin, fica inegável o questionamento para saber então o que as difere de uma moeda digital tradicional.


De fato o questionamento existe. Mas a diferença principal se estabelece no seu ganho e presença de mercado.


Hoje em dia, as bitcoins estão no topo do mercado de moedas digitais, e por lá permanecem já a muito tempo. Sendo assim, a segurança de investimento pesa muito mais para o lado das criptomoedas tradicionais.


Porém, as altcoins se colocam com força no mercado mundial por uma razão até simples: sua capacidade de valorização é inestimável. Ao ter em mãos uma moeda alternativa, as possibilidades de investimento e de valorização são bem superiores as de uma moeda consolidada e com preço também consolidado no mercado.

Vale a pena investir em altcoin?

Essa é a principal pergunta no meio das moedas digitais alternativas e a resposta é a genérica "depende". Afinal, tudo envolve quais os seus objetivos e quais as suas pretensões.


Ao investir aqui, o que é possível garantir é a valorização em alta das alternativas. Entretanto, aqui também vai pesar o risco no investimento. Afinal, se muito pode valer, também muito se pode perder.


Se você não tem problemas com o risco de investimento, está disposto a investir na possível valorização de uma alternative coin, então talvez esse meio faça sentido para você.


As principais criptomoedas alternativas ao bitcoin são:

  • Litecoin

  • Ethereum

  • Ripple

  • Tether

  • Cardano

O ponto principal é um só: as moedas alternativas estão no mercado para ficar, e tendem a aumentar sua posição a cada ano que passa, visto que cada vez mais pessoas estão procurando e investindo nesse mercado.


Mas lembre-se: sempre que optar pela aquisição de criptomoedas, mantenha todas elas salvas no Trezor, pois é a carteira de criptomoedas offline mais confiável do mercado. A Brazil Electronics tem estoque com entrega imediata no Brasil. Esteja mais seguro com uma carteira de confiança.

...